FANDOM


Vago

Localização do Vago no Sul

O Vago (também chamado de Mander) é o maior rio da Campina. É um largo e poderoso curso d'água.[1] É um rio indolente, lento e traiçoeiro, com recifes e bancos de areia que conseguem prender os navios desavisados.[2] Os afluentes do Vago incluem o Arroiazul e o Molusqueiro.

Geografia

O Vago tem a sua fonte em um conglomerado de colinas perto de Tumbleton a nordeste da Campina, perto de Porto Real. Flui a sudoeste passando por Ponteamarga[3], se anui com o Arroiazul em Mesalonga e depois ao Molusqueiro, próximo a Solar de Sidra.

Perto de Jardim de Cima o Vago encontra outro rio, ainda sem nome, que corre para o sul a partir de Bosquedouro. De Jardim de Cima o Vago continua para o oeste até uma baía no Mar do Poente perto das Ilhas Escudo. A parte superior do Vago é lamacenta e de difícil passagem, e ao chegar perto de Jardim de Cima, ele se torna claro e calmo.

História

Historicamente, os homens de ferro assaltavam o Vago até Ponteamarga. Durante o reino da Casa Gardener, os Reis da Campina armaram os camponeses das Ilhas Escudo, que se localizam perto da foz do rio, para se defenderem das aproximações e avisarem aqueles no continente de futuros ataques.[2]

Há mil anos atrás, a Casa Manderly vivia nas margens do rio Vago, mas eles foram afastados pela Casa Gardener.[4]

Durante a rebelião de Robert, o Vago foi atacado pelos homens de ferro e uma grande batalha foi travada nas suas cercanias.

Durante a Guerra dos Cinco Reis, os homens das Ilhas de Ferro voltaram a assolar o rio Vago.

Referências

  1. O Festim dos Corvos, Capítulo 21, A Fazedora de Rainhas
  2. 2,0 2,1 O Festim dos Corvos, Capítulo 29, O Pirata
  3. A Fúria dos Reis, Capítulo 22, Catelyn
  4. O Cavaleiro dos Sete Reinos, A Espada Juramentada


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.